MRV insiste com empreendimento indesejado

Embora com requerimentos de embargos protocolizados junto à Prefeitura Municipal, e instauração de Inquérito Investigativo pelo Ministério Público, a Construtora MRV continua insistindo nas tentativas de afrontar às leis municipais e, agora, à Procuradoria Pública.

Os moradores da região da AMBEU voltaram a procurar a associação para reclamar da abertura de procedimentos comerciais pela MRV, divulgados em enormes placas no imóvel da reclamada, agora propondo um pseudo “Cadastramento”, que, segundo os atendentes pelo número indicado, pode se transformar em uma “proposta de compra e venda”, com “convidativo desconto”, por “se antecipar ao lançamento do projeto”, que “deverá acontecer em abril deste ano”.

Para incentivar a solicitada visita aos escritórios da construtora, para qual insistem, antecipam remessas por e-mail de plantas reduzidas, exibindo as posições das 22 torres de nove andares que pretendem construir, com mais de 700 pequenos apartamentos.

Pelo link seguinte você poderá conhecer as plantas que estão sendo distribuídas à vontade: MRVplantas

Atendendo aos pedidos dos moradores reclamantes, o jurídico da AMBEU, por meio do Dr. Alexandre Magalhães Rabello, está preparando nova contestação, que deverá ser protocolizada nos próximos dias.

Mantenham-se atentos: continuem procurando a nossa associação para denunciar as tentativas de afrontas às leis municipais, que pretendem transformar os nossos bairros residenciais em espaços invadidos por enorme quantidade de veículos transitando, com todos os demais inconvenientes trazidos pela excessiva e desordenada ocupação urbana, em áreas declaradas e reconhecidas como ZR1 – Zona Residencial Um -, onde o limite de construção é de apenas três andares, tanto no Plano Diretor antigo, quanto no atual.

AMBEU – Associação dos Moradores dos Bairros Elton Ville, Uirapuru e Adjacências.
Sergio Antonio Reze – Presidente.